segunda-feira, 2 de outubro de 2017

O Tempo Será Senhor da Razão !!

10 meses se passaram desde que Claudenisio Alves Sobrinho (Anísio Pato) do PSDB, tomou assento e assumiu como parlamentar no Palácio Manoel de Oliveira Castro, sede do poder legislativo de Castelo do Piauí. Ao longo desse tempo, ele, mesmo sendo "Marinheiro de primeira viagem" tem mostrado a que veio e está marcando seu nome na casa do povo, com ações que vão de encontro ao anseio popular. 

Anísio é o quarto filho do casal Gonçalo Alves Sobrinho (Gonçalo Pato) e Antônia Elita Alves, que tem como primogênito Claudenor e segue a linhagem com Clidenor (Dinaldo) e Coimbra. Nascido no dia 23 de Fevereiro/1973, e criado em Castelo do Piauí, antes de entrar para a política, Anísio desenvolveu atividades comerciais autônomas e outras com vínculos empregatício. Em sua primeira experiência obteve 522 votos, levando seu partido PSDB a ter 2 cadeiras na Câmara Municipal do município. Para alcançar êxito, o então candidato teve apoio da matriarca da família Cardoso, Dona Joselina Melo, que trabalhou com afinco junto aos seus amigos e correligionários.   

Anísio é casado com a enfermeira Maria Aurislane, e pai de duas filhas Aryane e Ariadna. Hoje o edil conta 44 anos e diz ter muita disposição para continuar trabalhando em prol da população castelense. "O povo me elegeu e não vou decepciona-los. Tenho como missão buscar as opções para desenvolver ações que beneficiem a todos de uma maneira abrangente. A política é dinâmica, por isso procuro fazer o melhor sem olhar pra quem. Fui eleito e com certeza, vou fazer valer este voto de credibilidade que muitos castelenses depositaram em minha pessoa". Disse Anísio, afirmando que não medirá esforços para colaborar com o crescimento de Castelo e sua gente. "A bancada de oposição está marcando espaço e mostrando que o bem comum vem antes de qualquer coisa ou situação".
 
Anísio é de opinião que o tempo será sempre senhor da razão. "Esse primeiro ano está sendo de aprendizado, mas com a convivência quase que diária com o deputado Firmino Paulo, estou conhecendo os meandros da política e aplicando na minha atuação no legislativo de Castelo". 

Anísio Pato preside a Comissão de Finanças - "Como presidente da Comissão de Finanças da Câmara, tenho responsabilidades e acompanho toda movimentação e colaboro com a gestão de Jadeílson Pereira". 



Edição: Jurandir Viana      

Parlamentar do PSDB Prestigia Eventos em Juazeiro do Piauí !!

Sábado 30 de Setembro o deputado estadual Firmino Paulo, acompanhado pelo vereador Anísio Pato de Castelo do Piauí, esteve em Juazeiro do Piauí, prestigiando a programação alusiva aos vigésimo segundo aniversário de emancipação política do município, que dista 150 km de Teresina. Durante estada na capital da pedra, Firmino e sua comitiva acompanharam cavalgada e pega de boi na mata. O parlamentar do PSDB foi recepcionado pelo prefeito José Valdo Rocha e vice-prefeito Cícero Leite. Ao fazer uso da palavra Firmino Paulo, destacou a importância das tradições culturais e enalteceu a força dos vaqueiros em estarem sempre reforçando as práticas profissionais e esportivas, que envolvem a lida com o gado. 

Acompanhe o registro fotográfico pela lente de Igo Rafael Silva Andrade
















Edição: Jurandir Viana

sexta-feira, 29 de setembro de 2017

COPA FELICIANO MOURÃO: Choque de Tricolores na Final da Nona Edição !!

Neste sábado (30), a Capital da Pedra vai viver um dia histórico. Todos os caminhos levarão para o estádio municipal de Juazeiro do Piauí, onde acontecerá o embate do ano, Pedreira contra Pajeú, que farão a última partida da Copa Feliciano Mourão, edição 2017. A contenda esportiva está marcada para as 15h30 e desde que foram definidos os finalistas, não se fala noutra coisa na cidade e interior do município. 

A expectativa dos organizadores, é de que 1000 pessoas prestigiem o evento. 

Tonho Veríssimo, Chicão Oliveira e José Felipe (Bolinha), convidam os adeptos do futebol dos municípios vizinhos para comparecerem e conferir de perto o clássico, que dará o quarto titulo para a Pedreira ou o segundo ao Pajeú.

O time do "Machado" está pronto e preparado para enfrentar o "Carcará" que promete ser um oponente valente nesta disputa, que abriu e vai fechar o certame mais importante do futebol amador de Juazeiro do Piauí. 

A partida terá transmissão da Rádio Lajes Fm com narração de Ernandes Miranda e Gilberto Alves. Antes ao meio-dia haverá resenha direto do Olho D'água Grande, quando esportistas e desportistas convidados emitirão suas opiniões a respeito dos times e seus jogadores. 

Quem marcará nome e época neste sábado, 30 de Setembro: Pedreira ou Pajeú? Quem for vivo verá.
 



Por: Jurandir Viana
Arte: Raimundo Araújo

quarta-feira, 13 de setembro de 2017

MARVÃO: 255 Anos !!

Castelo do Piauí um dos primeiros municípios que foi emancipado no estado do Piauí, completou neste 13 de Setembro, 255 anos e sua gente comemorou em grande estilo. As apresentações alusivas tiveram palco e plateia na praça de eventos Aluísio Lima e foi prestigiada pelo povo e autoridades locais e estadual.
 


As festas populares foram animadas pela Banda Paixão Nordeste de Castelo, Gleyane Lima, Dudu Nogueira, Karol & Banda Toda Boa e Vinicius & Forró de Boa. Quem esteve na praça começou a dançar às 22h ao som da Banda do Povão, que durante uma hora e vinte cinco minutos, não deixou ninguém ficar parado. Logo após houve um pequeno intervalo quando fizeram uso da palavra os deputados estadual Firmino Paulo (PSDB), João de Deus Sousa (PT) e José Magno Soares da Silva, prefeito de Castelo do Piauí. Em suas falas as autoridades ressaltaram a importância do município no contexto histórico do Piauí e parabenizaram a população, que esteve participando das comemorações na véspera da data oficial de emancipação política da cidade sede, que tem Nossa Senhora do Desterro como sua Santa Padroeira.

Anísio Pato, vereador do PSDB e a Prefeitura Municipal, através da SEJUCE, estiveram a frente da organização, que contou com a participação direta do Coordenador de Eventos, Barbosa. A movimentação atraiu muita gente e proporcionou a oportunidade para que vários autônomos pudessem ganhar um dinheiro extra com a venda de bebidas, comidas típicas e outros. "Nosso município assim como os demais no país, está enfrentando uma grande crise, mas nem por isso deixaríamos passar em branco a data magna. Parabenizamos nosso povo e nossa gente pelos 255 anos e vamos juntos trabalhar para que as coisas melhorem e possamos realizar novos eventos, que venham de encontro aos anseios da população". Disse Anísio Pato ao conversar com nossa reportagem. 

Confira os registros fotográficos pela lente de Igo Rafael Silva Andrade.

Karol Ribeiro, vocalista da Banda Toda Boa

Havenna Show, vocalista da Banda Paixão Nordeste

Gleyane Lima







Edição: Jurandir Viana   

quarta-feira, 30 de agosto de 2017

Castelo do Piauí Vai Festejar 255 Anos !!

A programação acontecerá dia 12 de Setembro, véspera da data de emancipação política de Castelo do Piauí, uma das cinco primeiras comarcas criadas no estado no ano de 1.762.
 
A grande festa acontecerá na Praça Aluísio Lima e terá 4 atrações musicais com destaque para a Banda Paixão Nordeste, Dudu Nogueira, Vinicius & Forró de Boa e Gleyane Lima.

O evento comemorativo é mais uma parceria do vereador Anísio Pato (PSDB) e Prefeitura Municipal de Castelo, através da Secretaria de Juventude (SEJUCE) e, contará com a presença do deputado estadual Firmino Paulo (PSDB). 

Os organizadores convidam a população castelense para marcar presença e festejar a data magna do município em praça pública, dia 12 de Setembro a partir das 22h00.



Edição: Jurandir Viana
Arte: Dj James Carvalho & Teozinho Perdido   

segunda-feira, 21 de agosto de 2017

HOSPITAL NILO LIMA: Centro de Parto Humanizado Será Implantado !!

O vereador Anísio Pato apresentou o Projeto de Lei Nº 16/2017 que foi aprovado por unanimidade durante as Sessões Ordinárias na Câmara Municipal de Castelo do Piauí, mês de Agosto do ano em curso.

TITULO I

A necessidade de implantação de um CENTRO DE PARTO HUMANIZADO na cidade de Castelo do Piauí, segundo as DIRETRIZES e dos PRINCÍPIOS INERENTES aos DIREITOS da MULHER durante a GESTAÇÃO, PRÉ-PARTO, PARTO E PUERPÉRIO.

Art. 1 - Toda gestante tem direito à assistência humanizada durante a gestação, pré-parto, parto e puerpério, incluindo-se o abortamento, seja este espontâneo ou provocado, na rede de atendimento do Sistema Único de Saúde (SUS) e em estabelecimento privado de saúde suplementar.

Art. 2 - Para os efeitos desta Lei, a assistência humanizada à gestação, ao pré-parto, ao parto, ao abortamento e ao puerpério é aquela preceituada pelas recomendações do Manual de Boas Práticas de Atenção  ao Parto e o Nascimento da Organização Mundial de Saúde, a Política Nacional de Humanização (PNH), as Portarias 569//2000, 1.0672005 e 1.4592011 do Ministério da Saúde, e em conformidade com as orientações da Resolução da Diretoria Colegiada da Agência Nacional de Vigilância Sanitária - RDC nº 36/2008, considerando precipuamente:
I - Não comprometer ou oferecer risco à saúde da parturiente ou do recém-nascido, nem à segurança do processo fisiológico de parto;
II - Adotar, exclusivamente, rotinas e procedimentos cuja extensão e conteúdo tenham sido objeto de revisão e avaliação científica por parte da Organização Mundial de Saúde (OMS) ou de outras instituições de excelência reconhecida, em cumprimento ao Art. 19-Q § 2º inciso I da Lei nº 8.080/90;
III - Garantir à gestante o direito de optar pelos procedimentos que lhe propiciem maior conforto e bem-estar, incluindo a disponibilização de métodos não farmacológicos para o alívio da dor;
IV - Garantir à gestante o direito de escolher as circunstâncias em que o parto deverá ocorrer, considerando local, posição do parto, uso de intervenções e equipe de assistência, seja este vivenciado em diferentes tipos de estabelecimentos de saúde, tais como: Hospital, maternidade, centro de parto normal, ou ainda em domicílio;
V - Garantir a presença, junto à parturiente de um (a) acompanhante, a ser por aquele indicado (a), durante todo o período de trabalho de parto, parto e pós-parto imediato.

JUSTIFICATIVA

A realidade mostra que as mulheres foram e continuam sendo submetidas a procedimentos cirúrgicos sem justificativa clínica e sem esclarecimento adequado, a cerca dos riscos e complicações inerentes a tais procedimentos. O cenário de violência obstétrica mostra-se constante, ao passo em que o bom atendimento obstétrico é considerado raro e não faz parte da rotina da assistência ao parto. Há de ser feito algo, pois, um esforço concentrado para combater a violência obstétrica praticada pelos profissionais da saúde, que se traduz em todas as violações de direitos adquiridos por leis, dentre as quais podemos citar: Negligência, imprudência, violência física e verbal, ameaças, repreensões, humilhações, realização de exames dolorosos e contra-indicados, passando por xingamentos grosseiros. A Portaria Ministerial nº 569, de 01/06/2000, que institui no Sistema Único de Saúde (SUS) o Programa de Humanização do Pré-Natal e do nascimento bem como a Portaria Interministerial nº 2.669, de 03/112009, que define metas e objetivos para a redução da mortalidade materna e infantil no Pacto pela VIDA;
O Pacto Nacional pela Redução da Mortalidade Materna e Neonatal, de 08/03/2004;
A Portaria da Presidência da República nº 1.459, de 24/06/2011, que institui no Sistema Único de Saúde (SUS) a Rede Cegonha;
A Portaria nº 1.459/2011 do Ministério da Saúde, que instituiu o Programa Nacional REDE CEGONHA, cujos princípios e objetivos são adotar medidas destinadas a assegurar a melhoria do acesso da cobertura e da qualidade de acompanhamento pré-natal, da assistência ao parto e puerpério, e da assistência à criança;
A iniciativa "Hospitais amigos da criança" do Unicef/ONU e do Programa Nacional "Amamenta Brasil" instituído pela Portaria nº 2.799/2008 do Ministério da Saúde;
A Lei 11.108/2008, denominada Lei do ACOMPANHANTE.
Pela relevância da temática e ainda, como forma de coibir toda e qualquer violência contra a mulher, conto com o apoio de todos para a aprovação deste Projeto de Lei, que busca tratar da humanização da assistência à mulher e ao concepto, bem como de seus direitos no ciclo gravítico-puerperal, quer seja pela realidade mostrada pelos relatos de óbitos de parturientes e seus bebês, quer seja pela dificuldade de colocar-se efetivamente em prática às seguintes recomendações e tratados.

OBJETIVO DO PROJETO

Mostrar ao gestor deste município, José Magno Soares da Silva, à Secretária de Saúde, Leila Almeida Soares, a importância da humanização na assistência ao parto, buscando, o resgate do parto natural.
BENEFÍCIOS DO PARTO NORMAL PARA MULHER:
Menor risco de infecção
Rápida recuperação pós-parto
Redução de tempo hospitalar
Menor risco de traumatismo
Menos risco de complicações anestésico
Menor ocorrência de iatrogenia
Benefício binômio mãe/filho

BENEFÍCIOS PARA O HOSPITAL

Financiamento pela Rede Cegonha, como: Ampliação ou reforma do centro de parto natural
Aquisição de equipamentos e materiais para o centro de parto normal. De acordo com o Ministério da Saúde, normatizado pela RDC - 36/2008.

CONSIDERAÇÕES FINAIS

Os esforços do Ministério da Saúde em garantir uma assistência humanizada à mulher no ciclo gravítico puerperal vem sendo prejudicados pela má qualidade dos serviços prestados. Os elevados índices de partos cesarianos, mortalidade materna, configura um cenário da saúde brasileira, expresso pela inadequação e descumprimento das políticas públicas de saúde. Neste contexto surge como alternativa de resgatar o parto no seu aspecto natural na evolução feminina, proporcionando às mulheres e seus familiares a expectativa deste momento de forma mais prazerosa e segura. A assistência destinada à mulher no processo de parturição, percebe-se a possibilidade de amenizar a problemática de superlotação, enfrentada pelas principais maternidades do estado, viabilizando a implantação de um centro de parto humanizado em nosso município. Atendendo à demanda de partos normais de baixo risco, essa unidade irá contribuir com a ampliação do acesso aos serviços de saúde e favorecer o atendimento humanizado de qualidade no ciclo gravítico puerperal preconizados pela política de humanização ao PRÉ-NATAL e NASCIMENTO.

Este Projeto é de autoria do vereador Claudenisio Alves Sobrinho (PSDB), com assento na Câmara Municipal de Castelo do Piauí.



Edição: Jurandir Viana      

sábado, 12 de agosto de 2017

COPA MANGUEIRA: Deu Nem Pro Gasto !!

Torcedores amigos!!

Em ritmo de treino os Cobras de Buriti dos Montes goleou o São Miguel Esporte Clube e conquistou de maneira espetacular o titulo da 16ª Copa Mangueira de Futebol Amador, em jogo disputado na tarde deste sábado (12), no estádio Portelão, sediado na cidade de Castelo do Piauí.

Marcelo Arneiroz, participou de 2 jogos e fez 3 gols (Todos em cobranças de faltas).

Para muitos o camisa 10 dos Cobras, foi o bambambam da Copa Mangueira na fase final.

Os gols da estupenda vitória de 6 a 0 foram marcados por Marcelo Arneiroz (2), Paulinho Messejana (2), Marquinhos Rojão e Nill. 

O time buritiense dominou todas as ações desde o inicio do jogo e ganhou mostrando além de categoria, tranquilidade, porque em várias oportunidades houveram entradas desleais da parte de alguns jogadores da equipe Tacarijús, na tentativa de desestabilizar a onzena ovípara, que em momento algum se deixou levar pelas provocações.

Fábio Rodrigues o melhor goleiro da competição, foi um expectador privilegiado e pôde acompanhar a pouca distância a tarde de felicidade dos seus companheiros em jornada histórica para os esportistas e desportistas de Buriti dos Montes, que compareceram em peso para ver a conquista da taça que leva o nome do patriarca da família Cardoso, Antonio Luis de Vasconcelos. 

Diego da Silva Castro (árbitro FFP/CBF), que foi auxiliado por José Alberto de Sousa e Manoel Francisco Soares, realizaram um excelente trabalho. Durante o jogo houveram 4 expulsões, sendo 2 de São Miguel (Ribeiro e Renílson), 2 dos Cobras (Safadão e Filho Maranhense). 

Aproximadamente 600 pessoas pagaram para ver o jogo e a maioria saiu do estádio, incrédulo com o resultado final.
 
Sadam (SMEC), foi eleito pela crônica esportiva e organização o craque da Copa Mangueira (5 votos).

Paulinho Castelo (Baixada), com 5 gols levou o prêmio de artilheiro.




Por: Jurandir Viana
Fotos: Marcius Afranius